Pensando o Futuro
 
Futuro do Trabalho em 2050 – Seminário “O Futuro do Trabalho no Brasil”

Futuro do Trabalho em 2050 – Seminário “O Futuro do Trabalho no Brasil”

No dia 19/10, o Laboratório do Futuro organizou o seminário “O Futuro do Trabalho no Brasil” no Clube de Engenharia. Essa é a nossa primeira postagem de uma série sobre o evento. Para ver as demais clique aqui.

Uma das palestras do evento, “Futuro do Trabalho em 2050”, foi proferida por Carlos Eduardo Barbosa, tecnologista na CASNAV e coordenador da linha de pesquisa Entendendo o Futuro, e Yuri Lima, líder de desenvolvimento no CAPGov e coordenador da linha de pesquisa Futuro do Trabalho.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Eduardo abriu a apresentação explicando que “Futuro” é a palavra-chave da Prospecção Tecnológica que “utiliza um conjunto de metodologias sistemáticas para apoiar decisões sobre tecnologias emergentes”. Além disso, Eduardo apresentou a metodologia do estudo realizado para a elaboração do relatório técnico “Working in 2050” a ser publicado em breve pelo Laboratório do Futuro. O estudo envolveu 11 pesquisadores que utilizaram a ferramenta Tiamat em 5 etapas correspondentes aos métodos de Análise Bibliométrica, Brainstorming, Futures Wheel e Cenários (Parciais e Integrados).

Em seguida, foi a vez de Yuri apresentar o o cenário considerado mais provável, um dos 3 cenários elaborados pelo estudo que conta ainda com um cenário otimista e outro pessimista. Dentre as diversas tendências levantadas ao longo do estudo, 5 foram selecionadas para apresentação no evento. Sobre o aumento da computerização, Yuri apresentou algumas das ocupações com mais probabilidade de serem substituídas por máquinas como telemarketing, caixas de lojas e recepcionistas de hotel. Outra tendência comentada pelo pesquisador foi o crescimento de novas formas alternativas de emprego, aquelas que diferem do padrão (full time, indefinido e parte de um relacionamento subordinado entre empregado e empregador). A terceira tendência apresentada foi a necessária revolução da educação para acompanhar as mudanças das novas profissões. O pesquisador falou ainda sobre o lento aumento da igualdade de gênero e a necessidade de reinvenção dos sindicatos.

Confira a apresentação completa no link abaixo

Apresentação “Futuro do Trabalho em 2050”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *