Levantamento de iniciativas para Igualdade de Gênero em STEM

Na Constituição Federal de 1988 estão assegurados direitos iguais para homens e mulheres, com especial ênfase na esfera laboral. O caminho até a igualdade de gênero passa por um esforço que depende do governo, das ONGs, Instituições de Ensino e empresas. Afinal, como se encontra atualmente a participação das mulheres no campo da tecnologia? E nas áreas de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (CTEM ou STEM)?

Buscando entender este cenário e como parte do projeto de pesquisa Igualdade de Gênero em STEM, o Laboratório do Futuro em parceria com o Ludes (COPPE/UFRJ), o Departamento de Matemática do Técnico de Lisboa/Portugal e a LABORe estão realizando um levantamento de iniciativas que favoreçam a igualdade de gênero no mercado de trabalho e ensino nas áreas de STEM no Brasil, além de análise de dados sobre o tema, tudo de acordo com o framework SAGA da Unesco. Em nosso trabalho inicial, já identificamos que, em relação à força de trabalho por sexo, na área de STEM, a participação de mulheres é de 31% no Brasil. No setor de Ensino Superior não é muito diferente, apenas 30% dos estudantes dos cursos de graduação das áreas STEM são mulheres.

Participe! Acesse https://www.igualdadestem.com/ e cadastre sua iniciativa. Se você ainda não faz parte de alguma iniciativa para melhorar a participação das mulheres no campo da educação e do trabalho em tecnologia, divulgue a pesquisa entre suas redes de colaboração. Sua contribuição será importante para o Brasil mapear e desenvolver iniciativas que visam aumentar a participação das mulheres no mercado de trabalho e na educação em STEM.

Fique atento! Em breve disponibilizaremos neste site um catálogo com as iniciativas cadastradas. Assim, será possível não só dar visibilidade para essas iniciativas bem como inspirar novas iniciativas que visem a igualdade de gênero em STEM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *